Escolha uma Página
Reajuste plano de saúde 2022: a Coplana explica o que pode mudar

Reajuste plano de saúde 2022: a Coplana explica o que pode mudar

Muitos dos nossos clientes estão questionando sobre o reajuste plano de saúde 2022. Decidimos fazer esse artigo para explicar como funciona a alteração de preços e orientar como proceder.

Os reajustes ainda não foram anunciados, mas recentes notícias preocupam os beneficiários. Será mesmo que os valores vão subir tanto quanto o noticiado? Siga com a leitura para mais informações.

O que saiu na imprensa sobre o reajuste plano de saúde 2022?

A mídia divulgou que os planos de saúde podem sofrer reajustes de até 18,3% esse ano. Primeiro vamos deixar claro que se trata de uma projeção. Até o momento, o maior reajuste aplicado pela ANS foi em 2016, sendo esse de 13,57%. 

Portanto, os números informados agora estão preocupando bastante. Eles surgiram de um levantamento realizado pelo Instituto de Estudos da Saúde Suplementar (IESS) que apontou que o aumento pode chegar a 18,3%.

Já o relatório do banco BTG Pactual prevê que o reajuste plano de saúde 2022 seja em torno de 15%. Isso significa que cada pesquisa aponta indicadores diferentes, apesar de serem elevados.

Veja mais: Normas ANS: Conheça as regulamentações para plano de saúde

Como foi calculado o reajuste plano de saúde 2022

A previsão do reajuste plano de saúde 2022 se baseia em diferentes fatores. Um deles é o custo dos medicamentos, que esse ano teve um aumento de 10,89%.

Os custos médicos hospitalares como despesas com consultas, exames e internações entram nessa conta. A inclusão de novos procedimentos obrigatórios por lei, se soma a lista. O represamento da busca por atendimento pelos planos de saúde devido à Covid-19 deve acabar. A demanda por atendimento tende a crescer e impactar de alguma forma.

Adicionado a isso está a redução de preços nas assistências médicas em 2021. Isso aconteceu pela primeira vez na história e foi de 8,2% se opondo ao maior reajuste plano de saúde 2022 previsto. 

Esse reajuste será para todos?

Apesar de muito se falar das projeções de reajustes na casa dos dois dígitos, saiba que ele não será para todos.

A ANS apenas regulamenta os reajustes de planos para pessoas físicas. Os serviços que são individuais ou familiares contratados diretamente com as operadoras de saúde.

Vale ressaltar que o percentual divulgado pela Agência é o máximo que pode ser aplicado. Cada operadora pode estabelecer quanto aumentará desde que não ultrapasse o teto estabelecido.

Veja também: Plano de saúde mais barato, é possível?

Como fica o reajuste para os planos empresariais?

O reajuste plano de saúde 2022 de contratos empresariais e coletivos funciona de maneira diferente. 

Para planos que contemplem até 29 vidas, o cálculo é baseado no consumo de gastos de clientes dentro desse perfil. Já nos contratos com mais de 30 vidas, a revisão de valores é feita com base em acordo entre as partes.

Recordamos que para essa categoria, em 2021, os reajustes ficarem em média entre 4% e 5%. Já a previsão para esse ano é de que seja de 7%, bem abaixo da projeção dos planos para pessoas físicas.

Como a Coplana pode ajudar se o valor fica muito alto?

Primeiro tenha calma! Vamos aguardar uma informação oficial da ANS sobre o reajuste plano de saúde 2022 para pessoas físicas.

Nos planos empresariais, ajudamos com a negociação junto a operadora. Buscaremos uma proposta que fique boa para os dois lados e garanta a continuidade da assistência médica. 

Não havendo uma proposta considerada viável pela empresa, podemos buscar alternativas.

 A Coplana trabalha com diferentes operadoras e opções de planos, sendo possível fazer ajustes para caber no orçamento.

O reajuste plano de saúde 2022 acontecerá, mas ele não precisa ser um tormento. Com a Coplana receberá todo o suporte que precisa para encontrar uma solução. Entre em contato com a Coplana para saber mais.

Como fazer cotação de plano de saúde? A Coplana te ajuda!

Como fazer cotação de plano de saúde? A Coplana te ajuda!

Fazer a cotação de plano de saúde pode parecer simples, basta preencher um formulário online. Depois disso recebe a proposta das assistências e acabou.

Porém o processo não se resume a pedir e receber preços. É preciso passar por outras etapas para encontrar o melhor produto para a empresa. Isso significa fazer análises, receber orientações e escolher o plano adequado.

Seguir um processo para fazer a cotação de plano de saúde auxilia nas etapas e na contratação.

Levante as informações sobre o plano

Verifique as informações antes de começar a cotação. Veja o número de vidas que serão inseridas no plano de saúde. Contabilize o número de funcionários e os dependentes que serão incluídos.

As coberturas devem ser decididas com antecedência, para isso pode-se verificar a sinistralidade se já houver um plano de saúde e histórico de afastamentos.

Isso, para saber as vidas e as coberturas e  também vale consultar os colaboradores. Elaborar um questionário com algumas perguntas ajuda a solucionar esses pontos.

Veja mais: Plano de saúde para empresas: Por que contratar?

Peça a cotação de plano de saúde

Com as informações iniciais já é possível pedir a cotação de plano de saúde online. Isso pode ser feito diretamente nos sites das operadoras ou com corretoras.

A recomendação é que se use uma corretora como a Coplana para ter um atendimento personalizado. O processo de cotar será o mesmo, preenchendo um formulário online e posteriormente recebendo um retorno com as informações.

No caso das empresas com mais de 100 vidas, será feito um orçamento personalizado. Para as que contam com até 99 beneficiários, os valores são tabelados e o retorno pode ocorrer no mesmo dia.

Analise as propostas recebidas

É comum receber mais de uma proposta, essas podem se diferenciar pelos planos e operadoras. Com elas em mãos deve-se verificar qual faz mais sentido.

Comparar as coberturas ofertadas com as indicadas pelos colaboradores é o início. Se houver alguma semelhança entre os serviços, então compare entre eles. Além disso, a cotação de plano de saúde serve para comparar valores e adequar esses com o orçamento disponível.

Converse com o corretor

A todo momento o corretor deve estar disponível para auxiliar no que for preciso. Ele pode tirar dúvidas que surjam ao analisar as propostas e em muitas outras situações.

Vale ainda verificar com o corretor se a escolha da cotação de plano de saúde é a mais coerente. Existem alguns pontos que esses profissionais estão habituados e podem orientar.

Os reajustes são informações que nem sempre aparecem nas propostas, então é hora de entender como eles funcionam. O corretor informará sobre isso e demais pontos sobre pagamentos e valores.

Veja também: Por que contar com um corretor de plano de saúde?

Contrate o plano de saúde

Após avaliar e decidir qual o melhor plano de saúde é hora de contratar o serviço ou fazer a migração. Da mesmo forma como o corretor auxiliou com a cotação de plano de saúde, também irá nessa etapa.

Separe os dados dos colaboradores e dependentes que serão inclusos no serviço. Junte aos documentos da empresa e outros que sejam solicitados pela operadora e encaminhe tudo ao corretor para ser feita a ativação.

Será feita a intermediação com a operadora e a sua empresa receberá o retorno. Com a ativação, o serviço é disponibilizado.

A cotação de plano de saúde não se resume apenas a pesquisar valores, mas entender as propostas apresentadas. É importante lembrar que esse processo não possui custos, por isso vale pesquisar bastante antes de escolher um plano.

A empresa deve fazer esse processo com calma e contar com a ajuda de um corretor. Tomando esses cuidados, a cotação de plano de saúde será acertada, assim como a contratação do serviço.

Quer pedir a sua cotação? Entre em contato com a Coplana.

Conheça os  diferenciais de operadoras de saúde

Conheça os diferenciais de operadoras de saúde

As operadoras de saúde oferecem serviços similares, mas nos detalhes é possível perceber diferenças.

Esses pontos podem ser relacionados ao atendimento, rede credenciada, coberturas entre outros. São eles que acabam por definir a escolha de uma assistência médica e não de outra. Portanto, é preciso saber o que é disponibilizado por cada uma.

Levantamos as operadoras de saúde mais procuradas na Coplana e apresentamos alguns pontos que fazem com que se diferenciem. Descubra quais são!

Saiba mais: Melhores planos de saúde SP: A Coplana responde as principais dúvidas

Porto Seguro Saúde

Com a Porto Seguro Saúde é possível oferecer aos colaboradores cuidados completos. Existem procedimentos extras ao rol da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) como Reeducação Postural Global (RPG) e transplantes.

A rede credenciada é bastante ampla e existem planos diferenciados. Todas as opções oferecem o reembolso e em alguns casos com valores bem altos.

Para a empresa também existem facilidades, como por exemplo, toda a implantação ser feita de forma online. Além disso, outra vantagem é que muitas empresas optam por ela, por conta de já conhecerem e terem outros serviços como os seguros.

SulAmérica

A SulAmérica é uma das operadoras de saúde que contam com planos empresariais para organizações de diferentes portes. O Plano de saúde empresarial é destinado para aquelas que possuem mais de 100 vidas. Existem outras opções para as que ainda estão crescendo.

Todo o processo de cotação, adesão e implantação é feito online, assim com a gestão do benefício. É possível fazer todas as movimentações cadastrais por uma plataforma online e ter acesso a relatórios gerenciais.

O atendimento é feito em uma rede com cobertura nacional e cobre atendimento de psicomotricidade. São oferecidos diversos programas de prevenção à saúde dos colaboradores, evitando que fiquem doentes e se afastem do trabalho.

NotreDame Intermédica

A NotreDame Intermédica ou GNDI surgiu da junção de várias operadoras de saúde adquiridas ao longo dos anos. Com isso conquistou uma ampla rede credenciada e rede própria com mais de 200 pontos de atendimento.

As empresas podem optar por planos com coberturas por grupo de municípios, regionais ou nacionais. Existem opções simples e outras mais completas que inclusive, oferecem assistência em viagem internacional.

Um dos seus diferenciais é a aceitação de prestadores de serviço sem vínculo. Isso a torna mais flexível que as demais.

Bradesco

A Bradesco Saúde oferece serviços para as empresas e sempre foi um nome forte no seu segmento. Seu serviço é reconhecido pela qualidade e conta com centros de referência para atendimento.

Das operadoras de saúde que oferecem a opção de reembolso essa é uma delas. Além disso, permite que com algumas das assistências médicas o plano dental seja contratado em conjunto.

Para operar, conta com a tecnologia, essa é repassada as empresas permitindo a implementação e gestão online.

Decida entre as operadoras de saúde

Todas as operadoras de saúde possuem uma ótima avaliação, por isso são comercializadas pela Coplana.

Para conseguir decidir entre elas, verifique a área de atendimento, coberturas dos planos e valores. É preciso encontrar o que ofereça o melhor custo-benefício à empresa.

Se mesmo assim ainda estiver com dúvida, converse com um corretor. Ele apontará as diferenças entre as operadoras de saúde prós e contras de cada uma para o seu negócio. Após isso, conseguirá decidir com segurança.

Está esperando o que para conhecer a fundo os planos das operadoras de saúde citadas? Entre em contato conosco e tenha mais informações.

Gestão de pessoas: qual a importância de um plano de saúde?

Gestão de pessoas: qual a importância de um plano de saúde?

A gestão de pessoas passou a ser uma função estratégica dentro de qualquer organização. O capital humano é o bem mais importante que a empresa possui e isso fez com que ele fosse cada vez mais valorizado

Tudo o que é feito em um negócio deve trazer impactos positivos no mercado e para os colaboradores. Oferecer benefícios é uma forma de conseguir esse resultado e o plano de saúde está entre os mais desejados.

Mesmo com os novos modelos de trabalho como o home office ou híbrido, os benefícios contribuem para o clima organizacional e desempenho. A oferta de um plano de saúde afeta positivamente a gestão de pessoas.

Retenção de talentos

Se as pessoas são valiosas, essas não podem deixar a organização. Ter um local de trabalho atrativo com benefícios que contribuem com o bem-estar é uma forma de reter talentos.

Os colaboradores se preocupam em manter um plano de saúde, auxílio alimentação ou outros ganhos além do salário. Eles servem como um incentivo para que não deixem a empresa e continuem realizando um bom trabalho.

Veja mais:Problema com retenção de talentos? Descubra como resolver isso

Aumento da produtividade

Se o funcionário percebe que existe uma preocupação com ele, o trabalho é realizado com maior empenho. Essa é uma forma de retribuir o que a empresa está fazendo o âmbito de gestão de pessoas.

A motivação é um dos principais responsáveis pela produtividade, é claro, que somado ao conhecimento. Quando reconhecido, a tendência é que o colaborar produza mais, afinal, sabe que está sendo visto e quer mostrar seu potencial.

Redução de absenteísmo

Os afastamentos por problemas de saúde estão se tornando cada vez mais comuns, resultado do estresse e da falta de acesso a profissionais de saúde que ajudam com as doenças.

Uma boa gestão de pessoas se preocupa com o bem-estar dos colaboradores. É comum nesse caso ser aplicada a medicina laboral e disponibilizar uma assistência médica.  A orientação na empresa e o fácil acesso a médicos, evita o adoecimento. Consequentemente, ocorrem menos faltas e atrasos por questões de saúde.

Veja também:O que é seguro de responsabilidade civil?

Profissionais menos estressados

A gestão de pessoas deve pensar nos colaboradores e na famílias deles, afinal, isso impacta no trabalho. Um plano de saúde é um dos benefícios mais desejados porque impacta no bem-estar dos familiares.

Quando a assistência é estendida aos familiares, o profissional trabalha mais tranquilo e reduz sua carga de estresse. Ele sabe que precisando, cônjuge e filhos terão onde buscar ajuda médica em caso de necessidade.

Pode parecer algo simples, mas a preocupação nesse caso é um gerador de estresse e impacta no trabalho.

Ganho na qualidade

O ganho da qualidade pode ser visto de diferentes ângulos quando se trata de gestão de pessoas.

Para a área de recursos humanos existe uma melhora em diferentes indicadores já citados. Isso significa que as ações e a oferta de plano de saúde estão conseguindo resultados positivos.

Para os profissionais, é necessário manter um ambiente de trabalho adequado e o acesso aos serviços de saúde com preço justo. Além disso, a melhora da qualidade de vida não pode ser esquecida.

Para a empresa se nota um ganho na oferta dos serviços e produtos. Com pessoas motivadas e satisfeitas essas se dedicam as suas funções e elevam o nível do serviço.

A gestão de pessoas não pode se limitar a atividades laborais. Ela deve satisfazer as necessidades dos colaboradores no ambiente interno e externo da organização, e oferecer um plano e saúde pode ser o início desse processo.

Se interessou no assunto? Então veja nosso artigo e descubra como escolher um plano de saúde para sua empesa.

Melhores planos de saúde SP: A Coplana responde as principais dúvidas

Melhores planos de saúde SP: A Coplana responde as principais dúvidas

Até mesmo quem contrata os melhores planos de saúde SP pode ter dúvidas em relação ao serviço. E muitas vezes estão relacionadas a cobertura das carências e as formas de adesão.

A qualidade não costuma ser discutida, afinal, já foi feita uma seleção das melhores prestadoras destes serviços. Para as dúvidas mais comuns, montamos uma FAQ, confira a seleção a seguir.

Com quantas pessoas posso fazer um plano empresarial?

A quantidade mínima de beneficiários em um dos melhores planos de saúde SP empresarial varia conforme a operadora. Para pequenas e médias empresas, costuma ser exigida 2 ou 3 vidas.

Para contagem pode-se somar o titular e seus dependentes. Por exemplo, uma microempresa pode ter o empresário como titular e sua esposa como dependente. Dessa forma ele consegue contratar um plano empresarial com o CNPJ.

Em relação ao número máximo de vidas não é comum haver restrições. O que pode ocorrer é a operadora enquadrar a assistência em categorias diferentes como PME e grandes empresas.

Como funciona a compra de carência?

Os melhores planos de saúde SP seguem as regras da ANS, por isso permitem a compra de carência. Essa, na verdade, se refere a portabilidade do plano de saúde.

Quem já possui uma assistência médica, após um período de 2 ou 3 anos pode solicitar a mudança de operadora. Nesse caso, ela poderá aproveitar os prazos de carências que já foram cumpridos.

Isso permitirá a utilização dos serviços logo que fizer a adesão, entretanto, existem algumas regras para isso. Uma delas é o antigo plano estar ativo quando for solicitada a portabilidade.

Essa mudança pode ser feita em planos de pessoas físicas, por adesão e empresariais.

Veja mais:É possível evitar o período de carência na troca de plano de saúde?

Posso colocar pai e mãe?

A resposta para essa pergunta é: depende. A ANS determina que podem ser incluídos como dependentes dos melhores planos de saúde SP parentes de 1º, 2º e 3º grau. Nesse caso os pais estariam incluídos como de 1º grau.

A questão é que a regra diz que podem, mas, não que é obrigatório. Cada operadora tem a liberdade de escolher que poderá aceitar ou não. O mais comum é que a aceitação seja para cônjuges e filhos. Será preciso verificar as condições aplicadas por cada operadora.

No caso dos planos empresariais em que a organização paga parte ou integralmente dos custos, também podem impor restrições.

Como funciona o reajuste?

Existem dois tipos de reajuste em relação aos melhores planos de saúde SP: reajuste anual e por faixa etária.

O reajuste anual ocorre uma vez ao ano e serve para que os valores das despesas médicas que tiveram aumento possam ser reparados. No caso dos planos para pessoas físicas, a ANS determina qual o percentual máximo a ser adotado pelas operadoras.

Já os planos coletivos empresariais e por adesão não entram nessa regra de percentual máximo. O que acontece é o chamado reajuste por sinistralidade que visa equilibrar a receita x despesas.

A negociação do reajuste é feita diretamente entre operadora e contratante/administradora de benefícios.

Outro reajuste que pode ocorrer a qualquer momento é por faixa etária. Existem idades determinadas para os planos de saúde. Ao fazer aniversário, a pessoa pode sair de uma delas e passar para outra.

Quando isso acontece, costuma haver uma mudança de valores, essas novas tarifas devem ser conferidas junto à operadora. 

Veja também:Entenda como é feito o reajuste de plano de saúde

Qual a diferença entre o plano por adesão e o empresarial?     

A modalidade de adesão diz respeito a forma com os melhores planos de saúde SP foram contratados.

O plano de saúde empresarial é aquele que a empresa contrata para oferecer a seus funcionários e familiares. Isso significa que somente quem possui vínculo empregatício ou estatutário poderá ter acesso aos serviços.

O plano por adesão é voltado para sindicatos, associações, entidades de trabalhadores e outros similares. Ele é destinado a entidades que possuem pessoas vinculadas e que tenham uma afinidade.

Por exemplo, a OAB pode contratar a um plano por adesão. Os advogados que forem vinculados a ela, terão acesso ao plano de saúde e podem estender a seus dependentes.

Tanto no plano por adesão e no empresarial, somente quem tiver algum vínculo com o contratante poderá utilizar.

Além desses questionamentos podem surgir outros. Antes de contratar os melhores planos de saúde SP é preciso entender bem como ele funciona. Por isso, conte com a ajuda de um corretor e se torne um especialista nos serviços que sua empresa possui.

Quer fazer alguma pergunta ou receber cotações? Entre em contato conosco e nos diga o que precisa.

Por que contar com um corretor de plano de saúde?

Por que contar com um corretor de plano de saúde?

As facilidades que a internet proporciona, permitem contratar uma assistência médica sem um corretor de plano de saúde. Em um primeiro momento isso pode parecer interessante, mas, quando começam a surgir as dúvidas o cenário muda.

Existem termos específicos que são de difícil compreensão para quem não atua no meio. Além disso, por conta própria é mais difícil conhecer as operadoras e opções de planos disponíveis

Contar com um corretor de plano de saúde fará toda a diferença para adquirir o serviço com mais tranquilidade. Veja os motivos para ter a ajuda desse profissional.

Ter um corretor de plano de saúde experiente

O profissional que atua no ramo há algum tempo adquiriu experiência. Se trabalha em uma corretora terá ainda mais conhecimento, já que a empresa investe nele com treinamentos e atualizações de informações.

O corretor de plano de saúde saberá sobre as mudanças que ocorrem no serviço. Por exemplo, recentemente teve alteração no rol de procedimentos da ANS e o profissional sabe disso.

Ele também conhece quais são os trâmites burocráticos e como funcionam os serviços, na prática. Isso permite que oriente e atenda muito melhor aos clientes.

Veja mais:Corretora de saúde: Descubra por que a Coplana é a melhor

Contar com suporte antes, durante e após a contratação

É possível ter ajuda em todos os momentos a partir de quando decide ter o serviço. O corretor do plano de saúde buscará entender as suas necessidades, apresentará as opções, ajudará na contratação e no pós-venda.

Isso quer dizer que a todo momento não estará sozinho, sempre terá um profissional para orientar. Até mesmo após a venda ele continua à disposição. Se ligar na operadora, a cada contato falará com um atendente diferente.

Com o corretor de plano de saúde não tem esse problema, será sempre a mesma pessoa a lhe atender. O melhor é que ele já conhece o seu histórico e consegue te ajudar mais rápido.

Conhecer os detalhes da assistência médica

Ao pesquisar por um plano de saúde, você pode encontrar a opção ambulatorial ou hospitalar para contratar. Imaginando que queira um serviço para fazer consultas e exames saberia qual escolher?

Muitas pessoas não sabem o que significam esses e muitos outros termos técnicos que são usados nos serviços de saúde. Sem falar nas letras miúdas dos contratos que geram mais confusão.

Com um corretor de plano de saúde terá ciência do que está sendo oferecido sem precisar entender todos os termos técnicos. Ele explicará de forma simples, para que fique fácil de entender e permitir conhecer a fundo os detalhes do que está contratando.

Veja também:5 vantagens do plano de saúde ambulatorial

Ter um plano sob medida

Não é tarefa fácil encontrar uma assistência médica que caiba no bolso, tenhas as coberturas e rede credenciada que busca. Os detalhes do plano podem mudar totalmente esses pontos citados.

Para ter um plano sob medida é preciso entender os detalhes e comparar com as opções disponíveis no mercado. Isso o corretor pode fazer, pois, ele possui variedade no portfólio e consegue cruzar com as necessidades do cliente.

Dessa forma será possível ter uma opção que atenda exatamente as necessidades e consiga oferecer o melhor custo-benefício.

Contar com um corretor de plano de saúde é saber que terá a ajuda que precisa para encontrar e usar o serviço. Esse profissional pode fazer toda a diferença para que o cliente fique satisfeito e não tenha problemas com o serviço.

Antes de começar a pesquisar sobre plano de saúde, procure um corretor. Na Coplana temos profissionais que podem ajudar.